You are currently viewing Picos de Europa

Picos de Europa

Mundo afora poucos lugares merecem o adjetivo “de tirar o fôlego” por sua beleza natural. Lugares extraordinários como Torres del Paine no Chile, Yosemite Park e Grand Canyon nos EUA, Dolomitas na Região do Trentino-Alto Adige na fronteira da Itália e Áustria, e os Alpes na Suíça entre tantos outros.

A Espanha como um dos destinos turísticos mais procurados do mundo, especialmente, pelo seu patrimônio histórico cultural, também possui paisagens naturais “de tirar o fôlego”. Um destes lugares espetaculares que já estive algumas vezes são os Picos da Europa. Trata-se do maciço montanhoso localizado ao norte da Espanha que pertence à parte central da cordilheira Cantábrica entre as províncias de Astúrias, León e Cantábria. A pesar de não ser muito extenso, sua proximidade do mar faz com que seja pródigo em acidentes geográficos de grande interesse. O seu nome, supostamente, se deve ao fato de que os seus picos eram as primeiras terras europeias que os navegantes divisavam ao vir da América em direção à Europa.

Muitas são as atrações do Parque Nacional dos Picos da Europa com seus três maciços entrecortados por profundos vales e gargantas, esculpidas pela erosão das geleiras dos glaciares e a força dos rios que cortam a região. No maciço central estão as maiores altitudes da Cordilheira Cantábrica, onde se eleva o ponto mais alto, o Torrecerredo, com seus 2.648 metros, além do Naranjo del Bulnes  o Pico Urrielu. Este último um dos montes mais emblemáticos de Espanha, símbolo do alpinismo espanhol com seus 2.519 metros de atitude e parede vertical de 550 metros em sua face oeste.

Há inúmeras opções para práticas de esportes de aventura com destaque para as caminhadas e escaladas. O parque conta com trinta e três trilhas sinalizadas de pequena distância e dois de grande distância entre as quais se destacam os caminhos históricos como a Senda del Arcediano, a Ruta del Cares, o acessos a cidades como Bulnes o Tresviso.

Além das inúmeras trilhas, há miradores e refúgios por todo o parque… Outros destaques são os serviços de funicular em Bulnes e do teleférico na localidade de Fuente Dé. Em pleno coração dos Picos da Europa, o teleférico atinge os 1.823 metros de altitude superando paredão de 753 metros.

Enfim, o Parque dos Picos de Europa é um destino imperdível. Seja pelo espetacular dos seus maciços rochosos, vales e gargantas. Seja pela rica vegetação, característica da “Espanha Verde”. Seja pelo seu clima pitoresco húmido e temperado, e muitas vezes imprevisível pela proximidade ao Mar Cantábrico. Tudo isso a cerca de 5 horas ao norte de Madrid. Lugar ideal para uma escapada de turismo de aventura desfrutando de paisagens espetaculares de tirar o fôlego.

Para maiores informações acessar:

http://parquenacionalpicoseuropa.es/el-parque/visitas/

https://www.turismoasturias.es/descubre/naturaleza/reservas-de-la-biosfera/parque-nacional-de-los-picos-de-europa#

Deixe um comentário